Spiga

Astigmatismo

Objetivos:

Ilustrar um dos defeitos mais comum da visão.


Material utilizado:

Um copo de vidro transparente com água, uma vela, uma caixa de fósforos.


Procedimentos:

Encha o copo com água e acenda a vela. Focalize a luz da vela com o copo, num anteparo. Este anteparo pode ser a lousa da sala ou uma folha de papel branco. Em seguida, mantendo o copo a mesma distancia da vela, gire o copo para esquerda e para direita. Por que a imagem alongada projetada pelo copo no anteparo encurva-se na direção de giro do copo?


Explicação:

O Astigmatismo é talvez o defeito mais freqüente da visão. Ele decorre de uma deformação não uniforme, da curvatura da córnea (córneas assimétricas) do olho humano, que não permite ver todas as partes de uma imagem ao mesmo tempo, ou seja, a luz de qualquer ponto originada de um objeto não consegue convergir para formar todas as partes da imagem na retina.
Para corrigir este defeito é necessário o uso de lentes cilíndricas. Estas lentes irão mudar a distância focal do olho, na direção onde o raio de curvatura da córnea difere de suas demais partes. No procedimento experimental acima, vemos que a imagem formada pela vela aparece alongada no anteparo, ou seja, ela se forma na direção do eixo de simetria do copo. O copo, funcionando como uma lente cilíndrica, faz com que os raios de luz que o atravessam convirjam na direção paralela ao eixo do copo, mostrando portanto, uma imagem alongada. No caso das lentes esféricas, a simetria esférica permite a formação da imagem real proporcionalmente em todas as direções.

1 comentários:

  bruno

11 de novembro de 2009 14:57

Muito Bom...Gostei
Vou apresenta um seminario sobre isso ai, e estava procurando como explica o astigmatismo relaciona com a física.Agora encontrei. :)